Jurídico

Caixa dos Advogados expande projetos para o interior

Objetivo é beneficiar os advogados em todas regiões do Paraná

A diretoria da Caixa de Assistência dos Advogados do Paraná vem expandindo seus projetos para o interior do estado, visando beneficiar um número cada vez maior de profissionais da categoria entre os mais de 62 mil advogados ativos do Paraná. São campanhas de vacinação realizadas em todas as Subseções, saúde ocular em diversas cidades, nove espaços de lazer e convivência dos advogados em atividade no Paraná, além de mais seis que já estão em processo de implantação. Há também o projeto Corrida Legal que neste mês chegou à decima Subseção do estado, em Campo Mourão.

Para o presidente da entidade, é um grande desafio fazer com que a CAA/PR, de algum modo, chegue a todos os advogados paranaenses, sem exceção. “É claro que isso não é tarefa fácil, mas estamos trabalhando muito para que isso aconteça. É inaceitável um colega passar um ano inteiro sem utilizar um de nossos benefícios ou serviços, independentemente do local em que resida”, sustenta Artur Humberto Piancastelli.

“Apesar de todo o trabalho e esforço de nossos antecessores, muitos advogados não sabem o que é a Caixa, para que serve e alguns até ignoram que ela existe. Por isso, a atual diretoria está ampliando ainda mais os benefícios, os projetos, os bons convênios e a presença da Caixa de Assistência em todos os cantos do estado. Nossa principal meta é alcançarmos 100% dos advogados do Paraná ativos e adimplentes com pelo menos um benefício ou serviço da CAA/PR por ano”, salienta o presidente da entidade.

www.caapr.org.br

Colunas

TRAJETÓRIA DE CÂNDIDO PORTINARI NA CAIXA CULTURAL CURITIBA

A exposição é composta por esboços, desenhos e estudos que revelam o processo criativo do artista

Continue lendo

Incêndio em condomínios: conhecimento e treinamento são fundamentais

Incêndio em condomínios: conhecimento e treinamento são fundamentais

O vice-presidente de Condomínios do Sindicato da Habitação e Condomínios (Secovi-PR), Dirceu Jarenko, explica que ter uma equipe e colaboradores preparados para ocasiões de urgência e emergência não é apenas uma questão de obrigatoriedade, mas de responsabilidade como cidadãos para a segurança de todos

Continue lendo

Lei coíbe prática da automedicação infantil

Por Mary Derosso

Continue lendo

Iluminação natural e amplitude trazem economia e sofisticação

Projetos que valorizam o aproveitamento da luz natural seguem princípios sustentáveis e economizam eletricidade

Continue lendo

Homenagem

Por Bebel Ritzmann

Continue lendo

Pagou, tem que provar!

Por Luiz Fernando de Queiroz

Continue lendo

O Morador  Online  - Todos os direitos reservados - Desenvolvido por MMV
Fone: 41 - 3333-8017