Arquitetura & Decoração

Como revestir a área externa

Áreas de lazer e grande circulação precisam de revestimentos adequados e de alta resistência Fachadas, espaços de entrada, áreas de tráfego e ambientes de lazer: as áreas externas merecem atenção especial no quesito revestimento. De acordo com Shayana Prieto, de loja especializada no segmento, os revestimentos externos devem ser pouco escorregadios e de alta resistência contra as variações climáticas. “Existem muitas opções disponíveis no mercado. Para evitar erros o ideal é escolher marcas com referência e com garantia ao consumidor, pois os produtos precisam seguir as normas ISO (International Organization for Standardization - Organização Internacional de Normalização)”, detalha a empresária.

A escolha dos revestimentos depende do projeto e não há uma fórmula mágica que guie o que deve ser usado, mas existem algumas indicações gerais que precisam ser levadas em consideração, conforme explica Shayana. “Tratando de porcelanato, recomenda-se produtos com acabamento STRUT (porcelanatos técnicos, que não recebem esmalte na superfície e têm alta resistência mecânica) ou HARD (porcelanatos esmaltados, também de grande resistência mecânica, mas com esmalte na superfície), que apresentam uma superfície própria para locais com tréfego e piso molhado ou com circulação de veículos. Além dos porcelanatos é possível utilizar cimentícios, que além de específicos para áreas externas são indicados a clientes que gostam de fugir do convencional e procuram outras soluções para seus projetos. Uma outra opção são os revestimentos monolíticos (como os da Cristal Pool) que além de não possuírem emendas são atérmicos, oferecendo maior conforto térmico aos usuários.”

A empresária destaca que os cuidados para limpeza e manutenção de revestimentos de área externa auxiliam na vida útil dos materiais e salienta que a garantia de fábrica é geralmente de cinco anos, porém a troca só precisa ser realizada se houver algum dano por utilização fora do normal ou por uma reforma. Além disso, ressalta que o custo-benefício é um grande atrativo: “os valores variam muito de acordo com o material escolhido, mas existem muitos revestimentos de qualidade que têm valores inferiores dos revestimentos destinados à áreas internas”, finaliza.

Colunas

O PODER DA VOZ E DA PALAVRA DE DÉA TRANCOSO

A cantora mineira traz a Curitiba o espetáculo “Líricas breves para a construção de uma alma” que encerra a série Solo Música em 2017

Continue lendo

Obra nociva em área comum

Por Luiz Fernando de Queiroz, autor do TPD-Direito Imobiliário e do Guia do Condomínio IOB

Continue lendo

Conhecendo nossas leis

Por Mary Derosso

Continue lendo

Iluminação inadequada pode prejudicar confraternizações

Em épocas de calor e fim de ano, é preciso pensar como dar aquela nova “cara” ao ambiente sem comprometer a atmosfera acolhedora

Continue lendo

Negócios em expansão

Por Bebel Ritzmann

Continue lendo

Inquilino elege e demite

Por Luiz Fernando de Queiroz, autor do TPD-Direito Imobiliário e do Guia do Condomínio IOB

Continue lendo

O Morador  Online  - Todos os direitos reservados - Desenvolvido por MMV
Fone: 41 - 3333-8017